restaurar

Direito De Amar

Belo

Você me diz que somos como água e vinho Que não combinamos mais Levou seu barco mar a fora e me Deixou num cais Você que veio como a brisa mar Foi que nem um furacão e derrubou meus edificios,tudo foi Ao chão Mas Quando o vento passa e Acaricia o meu rosto Desperta a sutileza do querer Sinto no meu corpo uma força que Me leva até você Surpreso eu Respeitei a sua Decisão Achei que fosse hora de calar Mas hoje eu vou abrir meu Coração E você vai ter que ouvir tudo que Eu tenho pra falar [refrão] Meu amor não sou perfeito Mas os meus defeitos eu posso Consertar Não me negue o direito de te amar Vem aqui me da um beijo Que eu te levo até o céu vou te Fazer sonhar Não me negue o direito de te amar

comentário Deixe seu comentário

Máximo de 140 caracteres

 

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.