restaurar

Quem Sabe

Carlos Gomes

Tão longe de mim distante Onde irá, onde irá teu pensamento Tão longe de mim distante Onde irá, onde irá teu pensamento Quisera, saber agora Quisera, saber agora Se esqueceste, se esqueceste Se esqueceste o juramento. Quem sabe se és constante Se ainda é meu teu pensamento Minh'alma toda devora Dá a saudade dá a saudade agro tormento Tão longe de mim distante Onde irá onde irá teu pensamento Quisera saber agora Se esqueceste se esqueceste o juramento.

comentário Deixe seu comentário

Máximo de 140 caracteres

  • Elizabeth Elizabeth 1/13/2010 2:13:59 PM A saudade de sua querida Campinas e de seu velho pai atormentava o coração de Carlos Gomes. Pensando também em sua namorada Ambrosina, moça da família Correia do Lago, Carlos Gomes escreveu "Quem sabe?", de uma poesia de Bittencourt Sampaio, cujos versos "Tão longe, de mim distante…" ainda são cantados pela nossa geração. ✏ responder