Memorial De Deus

Cassiane

Já me acostumei com o oásis no deserto Mas quando parece que estás longe é aí que estás perto Depois de tanto tempo andando ao teu lado Meu senhor eu pude aprender Que a adoração é o alimento pra sobreviver. No deserto onde os dias são mais quentes E as noites são mais frias Sem a tua graça eu não suportaria Eu que já provei água da fenda da rocha Já vi o mar se abrir E tive que fechar a cova Dos que andavam junto a mim Pra chegar até aqui Como um memorial de Deus E pisar a planta dos meus pés Na terra que Ele me deu Que Ele me deu Acabou o tempo de sofrer Chegou o tempo de cantar O deserto ficou pra traz A ordem é celebrar Acabou o tempo de sofrer Chegou o tempo de cantar O deserto ficou pra traz A ordem é celebrar Acabou o tempo de sofrer Chegou o tempo de cantar O deserto ficou pra traz A ordem é celebrar Acabou o tempo de sofrer Chegou o tempo de cantar O deserto ficou pra traz A ordem é celebrar Estou debaixo da nuvem da glória de Deus A vitória Ele já me deu Ninguém pode calar a minha voz Estou debaixo da nuvem da glória de Deus Eu posso me alegrar Posso celebrar Estou debaixo da nuvem da glória de Deus A vitória Ele já me deu Ninguém pode calar a minha voz Debaixo da nuvem da glória de Deus Eu posso me alegrar Posso celebrar Acabou o tempo de sofrer Chegou o tempo de cantar O deserto ficou pra traz A ordem é celebrar Acabou o tempo de sofrer Chegou o tempo de cantar O deserto ficou pra traz A ordem é celebrar.

* A letra está errada? Por favor, envie a correção

* Essa letra é repetida ou pertence a outro artista? nos informe