restaurar

a Banda

Chico Buarque

Álbum: A Banda

Compositor:Chico Buarque

Estava a toa na vida, o meu amor me chamou Pra ver a banda passar, cantando coisas de amor A minha gente sofrida, despediu-se da dor Pra ver a banda passar, cantando coisas de amor O homem sério que contava dinheiro, parou O faroleiro que contava vantagens, parou A namorada que contava as estrelas, Parou para ver, ouvir e dar passagem A moça triste que vivia calada, sorriu A rosa triste que vivia fechada, se abriu A meninada toda se asanhou Pra ver a banda passar, cantando coisas de amor O velho fraco se esqueceu do cansaço e pensou Qu'inda era moço pra sair no terraço e dançou A moça feia debruçou na janela Pensando que a banda tocava pra ela A marcha alegre se espalhou na avenida e insistiu A lua cheia que vivia escondida, surgiu Minha cidade toda se enfeitou Pra ver a banda passar, cantando coisas de amor Mas para meu desencanto, o que era doce acabou Tudo tomou seu lugar, depois que a banda passou E cada qual no seu canto, em cada canto uma dor

comentário Deixe seu comentário

Máximo de 140 caracteres

  • SERGYO SERGYO 4/14/2010 7:58:46 PM GRANDE PARTE DA BELEZA DAS LETRAS DO CHICO É A ESPONTANEIDADE, A TRNAPARENCIA E A FALTA DE CONCEITOS E PRECONCEITOS, Q SÃO DUAS FACES DE UMA MESMA MOEDA ✏ responder