restaurar

Januária

Chico Buarque

Álbum: Januária

Toda gente homenageia Januária na janela Até o mar faz maré cheia Pra chegar mais perto dela O pessoal desce na areia E batuca por aquela Que malvada se penteia E não escuta quem apela Quem madruga sempre encontra Januária na janela Mesmo o sol quando desponta Logo aponta os lábios dela Ela faz que não dá conta De sua graça tão singela Que o pessoal se desaponta Vai pro mar, levanta vela Toda gente homenageia Januária na janela Até o mar faz maré cheia Pra chegar mais perto dela O pessoal desce na areia E batuca por aquela Que malvada se penteia E não escuta quem apela Quem madruga sempre encontra Januária na janela Mesmo o sol quando desponta Logo aponta os lábios dela Ela faz que não dá conta De sua graça tão singela Que o pessoal se desaponta Vai pro mar, levanta vela

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.