restaurar

Samba da Boa Vontade

Chico Buarque

(Campanha da boa vontade) Viver alegre hoje é preciso Conserva sempre o teu sorriso Mesmo que a vida esteja feia E que vivas na pirimba Passando a pirão de areia Gastei o teu dinheiro Mas não tive compaixão Porque tenho a certeza Que ele volta à tua mão Se ele acaso não voltar Eu te pago com sorriso E o recibo hás de passar (Nesta qüestão solução sei dar) Neste Brasil tão grande Não se deve ser mesquinho Quem ganha na avareza Sempre perde no carinho Não admito minharia Pois qualquer economia Sempre acaba em porcaria (Minha barriga não está vazia) Comparo o meu Brasil A uma criança perdulária Que anda sem vintém Mas tem a mãe que é milionária E que jurou batendo o pé Que iremos à Europa Num aterro de café (Nisto eu sempre tive fé)

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.