restaurar

Va' Pensiero

Coro

Voa, pensamento, com tuas asas douradas; voa, pousa-te nas encostas e no topo das colinas, onde perfumam mornas e macias as brisas doces do solo natal! Cumprimenta as margens do rio Jordão, as torres derrubadas de Jerusalém... Oh minha pátria tão bela e perdida! Oh lembrança tão cara e fatal! Harpa dourada dos grandes poetas, porque agora estas muda? Reacendas as memórias no nosso peito, fala-nós do bom tempo que foi! Como Sólima fez como o destino traduz em música o nosso sofrimento, deixa-te inspirar pelo Senhor porque nossa dor se torne virtude!