restaurar

Derrama Shekinah

Damares

Quando o povo do Senhor está louvando, adorando, exaltando, Deus abre os céus E faz cair sobre o seu povo a sua glória, uma chuva de vitória com sabor de mel Quem vai passando, vai parando, fica olhando, perguntando: "Ai, meu Deus, que alegria é essa?" Quanto mais o povo louva e glorifica, a unção se intensifica, vai virando festa, festa Parece mesmo que a gente voltou no tempo, parou naquele momento em que Salomão levantava as mãos pro céu e adorava O Senhor manifestava sobre a multidão Voltando no tempo real a gente sente que o Senhor está presente aqui neste lugar Se a gente levantar as mãos pro céu e adorar o nosso Deus Ele vai derramar Vai derramar, vai derramar, vai derramar, vai derramar, vai derramar a Shekinah (4x) Derrama, derrama, derrama, derrama Derrama, derrama, derrama, Jeová Derrama, derrama, derrama, derrama Derrama, derrama, derrama Shekinah (2x) Lázaro: "É isso aí, Damares! Maravilha esse fogo santo! A Bahia ama esse negócio!" Damares: "É isso aí, Lázaro!" Jacó viu na visão uma escada que a Terra ao céu ligava Que coisa mais linda! E sobre aquela escada ele contemplava anjos que ali estavam descendo e subindo Estou sentindo que aqui também tem anjos e estão sobrevoando esta multidão Estão olhando quem está glorificando, vaso que está transbordando cheio da unção, unção A Bíblia diz que o profeta Isaías também viu um certo dia, o Sublime Trono E sobre ele o Senhor se assentava, anjos lhe glorificavam, louvavam seu nome, dizendo: "Santo, Santo, Santo é o Senhor, Deus eterno" Era Glória em todo lugar Se a gente levantar as mãos pro céu e adorar o nosso Deus, ele vai derramar No ritmo da banda, no acorde da canção No passo do compasso, no bater do coração Na glorificação do nome de Jeová Deus vai abrir o céu e derramar a Shekinah No ritmo da banda, no acorde da canção No passo do compasso, no bater do coração Na glorificação do nome de Jeová Deus vai abrir o céu e derramar a Shekinah