Na Mesa do Rei

Damares

Disseram que eu não ia conseguir, Disseram que os meus sonhos acabaram alí, Quando os meus pés se quebraram, me zombaram, me criticaram... Me mandaram para a terra de lodebá, Terra que se chamava esquecimento, E naquele lugar sozinho fiquei, humilhado, desamparado... Mas no coração havia uma esperança, O Rei prometeu, não se esquecer de mim, Eu sei que esse dia vai chegar e a carruagem do Rei, Na cidade vou ver entrar, pra me buscar... Eu vou me assentar, á mesa do Rei! Eu vou comer, na mesa do Rei! E todos que me humilharam vão me ver alí, E vão ter que saber que fui convidado sim... Eu vou receber as terras que perdi, E todos os tesouros que meu Pai deixou, Quando na batalha teve que lutar e a sua vida foi levada, É assim quando Deus promete, O tempo pode passar, mas de você não se esquece!!! Mas no coração havia uma esperança, O rei prometeu, não se esquecer de mim, Eu sei que esse dia vai chegar e a carruagem do Rei, Na cidade vou ver entrar, pra me buscar...

* A letra está errada? Por favor, envie a correção

* Essa letra é repetida ou pertence a outro artista? nos informe