restaurar

Amiga

Daniel

Você não aceita que eu Te chame de amor Diz que não sente nada por mim Pra eu entender Que é coisa da minha cabeça Que é tudo ilusão Mas na madrugada, na solidão, Liga me dizendo preciso te ver E quando me encontra Seus olhos brilham demais Incrível, mas sinto que em mim Encontras a paz Por mais que você queira ser Só a minha amiga, Seus olhos te traem, Aos poucos te obrigam A admitir que existe algo mais Refrão Amiga não beija assim Me abraçando me envolvendo Amiga não fica ofegante Amiga não fica tremendo Amiga não fica boba, Quando recebe uma flor, Amiga não é desse jeito Amiga não faz amor