Todo Mundo Admira

Exaltasamba

De frente, de frente, de frente, de frente, de frente, de frente De costas, de costas, de costas, de costas, de costas, de costas Olhando assim de repente Tem gente que naum dá valor Mais a face oculta da moça É um esplendor Não é mole não seu doutor Todo mundo admira Ela é envolvente Batendo de frente Mais quando ela vira Mata a gente Mata a gente de amor e paixão Pode crer meu irmão Vi malandro cair E o mundo de pernas pro ar Faz o dólar baixar E o real subir Solteiro viúvo seguiu sua trilha É pai de família na alça de mira,é Mata a gente de raiva e bobeira Sambando levanta a poeira do chão Faz virar todo mundo o pescoço Seja velho ou moço, polícia e ladrão Pode ser desquitado ou divorciado Noivo ou namorado Todo mundo atira, é

* A letra está errada? Por favor, envie a correção

* Essa letra é repetida ou pertence a outro artista? nos informe