restaurar

a Última Vez

Fátima Leão

Na noite passada você me deu tudo que eu tinha direito Me pegou de jeito, cruel, sem defeito Pra eu nunca esquecer Me senti perdido, num mar de carícias, abraços e beijos Unimos dois corpos, matamos desejos Sem pensar que fosse nossa última vez E hoje foi surpreendido pelo seu adeus Você deu as costas para os sonhos meus Deixou só lembrança na noite passada Na fronha ficaram as marcas do batom que usava No espelho um bilhete que me revelava Dizendo: “Querido, foi a última vez”.