restaurar

Rasgando o Coração

Fernanda Brum

Algo acontece quando rasgo o meu coração pra Ti Nada se compara ao que sinto quando estás comigo aqui Eu venho como estou Trazendo a minha dor Mas crendo que não mais a levarei Aceito a minha Cruz Mas abro mão do fardo Que por tanto tempo em vão, eu carreguei Que por tanto tempo em vão, eu carreguei Eu troco a minha culpa Pelo teu perdão Eu troco o meu pecado pela salvação Eu escolhi a vida abundante A alegria viva e transbordante de Deus Eu troco a afronta pela paz Que excede o entender A paz que foi roubada brutalmente do meu ser. Escolho a liberdade de não mais viver assim Eu abro mão da minha própria vida Mas ninguém pode roubá-la de mim Ninguém pode roubá-la de mim Ninguém pode roubá-la de mim Ninguém pode roubá-la de mim Ninguém pode roubá-la de mim A minha vida é do Senhor O meu futuro é do Senhor Eu tenho uma aliança eterna de sangue com Ele E assim como Ele deu a sua vida Eu dou a minha vida sim Eu dou a minha vida Ninguém pode roubá-la de mim Eu dou a minha vida Ninguém pode roubá-la de mim Ô Eu troco a minha culpa Pelo teu perdão Eu troco o meu pecado pela salvação Eu escolhi a vida abundante A alegria viva e transbordante de Deus Eu troco a afronta pela paz Que excede o entender A paz que foi roubada brutalmente do meu ser. Escolho a liberdade de não mais viver assim Eu abro mão da minha própria vida Mas ninguém pode roubá-la de mim Ninguém pode roubá-la de mim Ninguém pode roubá-la de mim Ninguém pode roubá-la de mim Ninguém pode roubá-la de mim