restaurar

Unhas De Gato

Francisco Petrônio

Não digas que tu não sabias Que a noite eu fico sozinho No quarto, chorando baixinho A dor, de todos os dias. Tu sabes, eu tenho a certeza Que quando sozinho em meu quarto Por entre poltronas reparto A minha insônia e tristeza. Tu sabes por certo e não ligas Trocando caricias antigas Por beijos novinhos em folha Em primeira mão. Tu sabes que eu sofro de fato Saudade são unhas de gato Ferindo e arranhando bem fundo O meu coração.

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.