restaurar

a Vaquejada

Gaviões do Forró

Sou vaqueiro nordestino puxar boi é meu destino. Sou o rei da vaquejada puxo boi desde de menino, o que é de garrote gordo derrubei pelo caminho. Valeu boi, valeu vaqueiro no calor da vaquejada vive o povo brasileiro. (4x) Minha maior alegria é festa de abarcação, ao meu padrim Padre Cícero peço a sua proteção, cachaça e mulher bonita são a minha perdição. Valeu boi, valeu vaqueiro no calor da vaquejada vive o povo brasileiro. (4x) Pra ver a queda do boi o "cabra" tem que ser macho, cavalo bom e ligeiro, munheca e força no braço, quem tiver boi bantiqueiro trás aqui que eu desenrabo. Valeu boi, valeu vaqueiro no calor da vaquejada vive o povo brasileiro. (4x)

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.