Puritan

Hatebreed

Álbum: Puritan

Bastardos choram Alimentam o fogo O desejo ardente de roubar a vida humana Neste mundo cheio de medo do desconhecido Distorcendo a percepção da fraqueza Mentindo para progredir Somente realizando a ganancia Sentado atrás do sol Mitos sangram em um Procurando por um salvador para nos liderar através desta vida Onde nossa sanidade é incerta Matando contra nossa vontade Matando para o bastardo criador O conto de fadas O não-existente Salvação tão agridoce o sabor trouxe medo para nossas linguas Predando na fraqueza Criação orfã encerrada nas profundezas da humanidade Eles continuam a estuprar e chamar isso de pureza Eu não me curvarei por causa do seu passado Eu vejo agora que a humanidade não foi feita para durar Matando contra nossa vontade Matando pelo bastardo criador O conto de fadas O não existente Salvação tão agridoce o sabor trouxe medo para nossas linguas Predando na fraqueza Criação orfã encerrada nas profundezas da humanidade Eles continuam a estuprar e chamar isso de pureza Eu vejo agora que a humanidade não foi feita para durar

* A letra está errada? Por favor, envie a correção

* Essa letra é repetida ou pertence a outro artista? nos informe