restaurar

Ói Nóis Traveis

João Carreiro E Capataz

Ói nóis traveis, ói nóis, traveis aqui Pra canta pro ceis, pra canta pro ceis Traveis ói nóis, ói nóis traveis aqui Pra canta pro ceis, uns modão caipir Ói nóis traveis, ói nóis, traveis aqui Pra canta pro ceis, pra canta pro ceis Traveis ói nóis, ói nóis traveis aqui Pra canta pro ceis, uns modão caipir Quem gosta bate palma, Quem não gosta vai embora, Se não gosta porque veio Corta vorta e dá u fora Toca sanfoneiro o povo que vê teu fole Enquanto você vai abrindo Eu vou tomando mais um gole Ói nóis traveis, ói nóis, traveis aqui Pra canta pro ceis, pra canta pro ceis Traveis ói nóis, ói nóis traveis aqui Pra canta pro ceis, uns modão caipir Quem não gosta de muié Deve ter fogo no rabo É parente dos bichinho que habitam o cerrado Tens uns que acham certo, Tem outros que acham errado Sendo cervo ou mateiro pra mim é tudo viado Ói nóis traveis, ói nóis, traveis aqui Pra canta pro ceis, pra canta pro ceis Traveis ói nóis, ói nóis traveis aqui Pra canta pro ceis, uns modão caipir ... Ói nóis traveis, ói nóis, traveis aqui Pra canta pro ceis, pra canta pro ceis Traveis ói nóis, ói nóis traveis aqui Pra canta pro ceis, uns modão caipir A cerveja ta gelada eu já to ficanu é bão Vou entrar dentro da lata e sair na pegação Só tem mulher bunita, só mulher sapeca Minha cobra hoje come muita perereca. Ói nóis traveis, ói nóis, traveis aqui Pra canta pro ceis, pra canta pro ceis Traveis ói nóis, ói nóis traveis aqui Pra canta pro ceis, uns modão caipir Mulherada hoje em dia ta de olho em quem tem grana Mas nóis semo verdadeiro pra pega nóis num engana Dinheiro nóis num temu, bunitu nóis num semo Se quisé nóis é assim memo. Ói nóis traveis, ói nóis, traveis aqui Pra canta pro ceis, pra canta pro ceis Traveis ói nóis, ói nóis traveis aqui Pra canta pro ceis, uns modão caipir