O Maior Amor do Mundo

Léo Canhoto e Robertinho

Balada Adeus minha companheirada gente amada que conheci Chorando vou partir agora, eu vou embora, eu vou sumir Não vou fazer nenhum mistério, eu falo serio gente querida As flores pra mim não são belas eu perdi aquela que deu-me a vida. Sua voz eu não mais escuto Estou de luto que solidão Partiu em seu caixão sozinha Minha mãezinha do coração. Quando eu chegava em casa mamãe falava Deus te abençoe Por onde você tem andado meu filho amado ande que foi Você saiu sem falar nada desesperada me pus a rezar Eu pedi com fé e amor pra nosso senhor fazer voltar. Daí seu rosto eu beijava E lhe falava o quanto a queria E apertava contra meu peito Depois em seu leito minha mãe dormia. Que dor eu sinto nessa hora, meu Deus que grande crueldade Quem vai gostar de mim agora, quem vai me amar de verdade Quero que Deus de a minha mãe aquilo que sempre eu dei Quero que Deus trate bem dela como eu sempre tratei.

* A letra está errada? Por favor, envie a correção

* Essa letra é repetida ou pertence a outro artista? nos informe