restaurar

Transbordando De Prazer

Léo Magalhães

Hoje eu tive uma conversa, com meu coração; Pois ele anda, descuidado com a solidão. Apaixona-se de repente, quase todo dia. Amanhece já não sente mais o que sentia. Todo Amor que é feito as presas é carta marcada; Pode ate ganhar o jogo mais, não vale nada. To querendo achar, alguém Amor para a vida inteira; Não quero viver de paixões, que vão virar poeira. Não quero ter na minha vida, um Amor cigano; Alguém que seja só mais um engano Que me abandone no amanhecer; Eu quero ter alguém que, deixe eu navegar tranquilo E mergulhar nas águas de um Rio, transbordando de prazer. (Refrão) Todo Amor que é feito as presas é carta marcada; Pode ate ganhar o jogo mais, não vale nada. To querendo achar, alguém amor para a vida inteira; Não quero viver de paixões, que vão virar poeira. Não quero ter na minha vida, um amor cigano; Alguém que seja só mais um engano Que me abandone no amanhecer; Eu quero ter alguém que, deixe eu navegar tranguilo E mergulhar nas águas de um Rio, transbordando de prazer. (bis)