restaurar

a Sorte É Cega

Luiz Gonzaga

Álbum: A Sorte E Cega

Meu amor quando não te vejo Fico a suspirar Por que é tu não vê, Que eu vivo a te esperar Passarinho na gaiola, vive sempre a cantar Passa fome passa sede Sem pedir, sem reclamar, Mas existe a diferença Passarinho eu não sou, Minha fome e minha sede É teu carinho é teu amor Dizem que a sorte é cega Só agora acreditei Por que tu gosta de mim Meu amor isso eu não sei Se ao menos eu pudesse alimentar esta ilusão Que ficou dentro de mim Machucando o coração.

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.