restaurar

Mestiço

Nosso Tom

Meu sangue é forte,não dou bobeira O meu swing é da mistura brasileira Que vem da mata,do vento forte Da dor do negro que o branco não sentiu Meu rosto sangra,nossa Amazônia Se liga que o futuro está aqui Pulmão do mundo sem proteção Vamos a luta,temos que nos dar as mãos Não fujo da raia,meu som faz feitiço Mistura de raça,orgulho mestiço Swing que embala meu povo de brio Eu sou da Amazônia,eu sou do Brasil Não fujo da raia,meu som faz feitiço Mistura de raça,orgulho mestiço Swing que embala meu povo de brio Eu sou da Amazônia,eu sou do Brasil