restaurar

Esse Teu Jeito

Os Tiranos

Esse teu jeito de olhar Me deixa assim a pensar Se lá no fim bem no fim Ainda gostas de mim Como machuca esta dor De ver partir um amor Que era meu e ainda agora Mas foi-se embora (refrão) Por isso quando se alonga A gaita numa milonga Saio a dançar por aí Pensando em ti Por isso quando se alonga A gaita numa milonga Saio a dançar por aí Pensando em ti, pensando em ti Esse teu jeito de ser É o que me faz te querer Que bom seria meu bem Se tu quisesses também Sei que um pouco de saudade Nunca fez mal é verdade Mas viver na solidão Não quero não (refrão) Por isso quando se alonga A gaita numa milonga Saio a dançar por aí Pensando em ti Por isso quando se alonga A gaita numa milonga Saio a dançar por aí Pensando em ti, pensando em ti Esse teu jeito de amar Me faz sorrir e penar Às vezes pura paixão E outras só ilusão Não adianta eu me rendo Pois sofro e não aprendo Te enchergo e o meu desejo É dar-te um beijo (refrão) Por isso quando se alonga A gaita numa milonga Saio a dançar por aí Pensando em ti Por isso quando se alonga A gaita numa milonga Saio a dançar por aí Pensando em ti, pensando em ti

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.