Pena De Morte

Pablo E Grupo Arrocha

agente já nn sai pelos motéis a noite pra fazer amor já não durmo agarrado ao teu corpo já não sinto teu calor ainda tomo o mesmo vinho só que agora sozinho acompanhado pela dor me pergunto se o destino foi justo comigo e porque nos separou fui condenado sem direito a defesa,sou réu acompanhado pela dor pena maxima foi dada ao meu coração magoado eu estou é pena de morte,pro meu coração fui condenado a pagar o preço a centecça foi dada eu pelas madrugadas tento fugir mais não te esqueco é pena de morte,não tem solução porque não volta pra mim dar carinho esse é um cado perdido,estou feito bandido sem defesa vai morrer sozinho.

* A letra está errada? Por favor, envie a correção

* Essa letra é repetida ou pertence a outro artista? nos informe