restaurar

Navio Negreiro

Quarteto Vida

Cruzando o tempo daqui se vê muito negreiro vendendo o quê traz escondido em seu mau querer áfricos, tráficos, vida e ser varando as ondas escuto a dor feito um lamento: ai meu Senhor! onde a razão trata do furor canta a vingança da clara cor por todo o mar há liberdade há muito dom de verdade cada lugar do oceano faz onda como deseja todo escravo é desejo afim de espaço aberto de além de si vive na espera de ser feliz na volta terra de seu país toda corrente é quimera só de quem pretende guarda a dor a força, viva de um ser menor a força, vida de um ser melhor por todo o mar há liberdade há muito dom de verdade cada lugar do oceano faz onda como deseja todo negreiro é navio mercê de muitas ondas de outro querer quem prende alguém a qualquer dever torna-se escravo até sem saber quem é mais livre: corrente ou pé? mordaço, voz, sombra ou luz até eis o silêncio a resposta é: livre é quem vive de fé em fé livre é quem vive de fé em fé

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.