restaurar

Mangueira - Samba Enredo 1994

Samba-Enredo

Atrás da verde e rosa só não vai quem já morreu Bahia é luz De poeta ao luar Misticismo de um povo Salve todos orixás Quem me mandou Estrelas de lá Foi são salvador Pra noite brilhar Mangueira! Jogando flores pelo mar Se encantou com a musa Que a bahia dá Obá berimbau ganzá Ô capoeira Joga um verso pra iaiá Caetano e gil ô Com a tropicália no olhar Doces bárbaros ensinando A brisa a bailar A meiguice de uma voz Uma canção No teatro opinião Bethânia explode coração Domingo no parque amor Alegria alegria eu vou A flor na festa do interior Seu nome é gal Aplausos ao cancioneiro É carnaval é rio de janeiro Me leva que eu vou Sonho meu Atras da verde-e-rosa Só não vai quem já morreu