restaurar

Inesquecível/ Quatro Estações/ Quando Você Passa (Turu Turu) (pout-pourri)

Anitta

Às vezes me pergunto se Eu viverei sem ter você Se saberei te esquecer Passa um momento e eu já sei Você é o que eu quero ter Inesquecível para amar Mais que uma história pra viver O tempo parece dizer Não, não me deixe mais Nunca me deixe Quanto mais longe possa estar É tudo o que eu quero pensar Não, não me deixe mais Porque eu te quero aqui Inesquecível em mim Ouço sua voz e a alegria Dentro de mim faz moradia Vira tatuagem sob a pele Te levo sempre em meu olhar Não canso de te procurar Entre meus lábios sinto a falta de você E assim, profundamente meu Pra que pensar que existe adeus Não, não me deixe mais Nunca me deixe Não, não me deixe mais Por que eu te quero aqui Inesquecível Se existe céu Você sempre será Inesquecível para amar, oh Oh, Oh, Oh, Oh Não, não me deixe mais Por que eu te quero aqui Inesquecível em mim A noite cai, o frio desce Mas aqui dentro predomina Esse amor que me aquece Protege da solidão A noite cai, a chuva traz O medo e a aflição Mas é o amor que está aqui dentro E acalma meu coração Passa o inverno, chega o verão O calor aquece minha emoção Não pelo clima da estação Mas pelo fogo dessa paixão Na primavera, calmaria Tranquilidade, uma quimera Queria sempre essa alegria Viver sonhando, quem me dera No outono é sempre igual As folhas caem no quintal Só não cai o meu amor Pois não tem jeito, é imortal No outono é sempre igual As folhas caem no quintal Só não cai o meu amor Pois não tem jeito, não É imortal Uh, uh, uh, uh, é imortal Uh, uh, uh, uh Esse turu, turu, turu, aqui dentro Que faz turu, turu quando você passa Meu olhar decora cada movimento Até seu sorriso me deixa sem graça Se eu pudesse te prender Dominar seus sentimentos Controlar seus passos Ler sua agenda e pensamento Mas meu frágil coração Acelera o batimento E faz turu, turu, turu, turu, turu, turu, tu Se esse turu tatuado no meu peito Gruda e o turu, turu, turu, não tem jeito Deixa sua marca no meu dia-a-dia Nesse misto de prazer e agonia Nem estou dormindo mais Já não saio com os amigos Sinto falta dessa paz Que encontrei no seu sorriso Qualquer coisa entre nós Vem crescendo pouco a pouco E já não nos deixa a sós Isso vai nos deixar loucos Se é amor, sei lá Só sei que sem você parei de respirar E é você chegar Pra esse turu, turu, turu, turu Vir me atormentar Se esse turu tatuado no meu peito Gruda e o turu, turu, turu, não tem jeito Deixa sua marca no meu dia-a-dia Nesse misto de prazer e agonia Nem estou dormindo mais Já não saio com os amigos Sinto falta desse turu, turu, turu, turu, tu Turu, turu, turu, turu, tu Composição: Sandy Leah

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.