Biografia de Adriana Cantora

Adriana, cantora brasileira que estourou nas paradas de sucesso na década de 1970 com a música "O que me importa", gravada em 1972 pela Odeon, ficou por alguns anos afastada das atividades artísticas; e retornou em 2008 com o lançamento do CD "Alô meu bem! Eu voltei".

Em 1972 a música "O que me importa" vendeu 380 mil cópias. Ganhou vários prêmios e participou de quase todos os programas de televisão da época. Seu grande sucesso lhe rendeu até um convite para atuar no cinema.

A primeira gravação da cantora Adriana intitulada originalmente como Anjo Azul, de Nonato Buzar, mas que ficou conhecida como Vesti Azul, graças ao estrondoso sucesso que o cantor Wilson Simonal fez com essa canção. Na verdade, a composição foi feita especialmente para a cantora, mas Nonato Buzar a mostrou para Simonal que pediu permissão para gravá-la.

O sucesso foi absoluto, inclusive com a própria Adriana que, na época (1967), vendeu 380 mil cópias. Devido ao êxito, a cantora foi convidada para participar, ao lado do cantor Márcio Greyck, do filme "Em Ritmo Jovem", de Mozael Silveira, ao lato de Grande Otelo e Vanja Orico.

No filme Adriana interpreta também a música "Lá, lá, lá", lado B do compacto com Vesti Azul, lançado pelo selo Equipe. Simonal, que se encantou com a gravação de Adriana, foi o grande incentivador da artista, que o considera um padrinho, assim como Chacrinha, em sua carreira.

Após o sucesso de Vesti Azul, a cantora obteve outro êxito, a música "Viu", em 1968. Na seqüência, por indicação de Simonal, foi contratada pela Odeon, onde gravou sucessos como o samba rock "Justo nesta noite" e a romântica "O que me importa", regravada por Tim Maia e Marisa Monte. Ao longo da carreira, principalmente nos anos 80, colecionou sucessos como "O amor que existe em mim", "I love you Baby", "Pra sempre vou te amar", "Combinado assim" e outras.

Carioca, filha de vedete de Teatro de Revista (Maria Helena), Adriana é casada com Márcio Monteiro (biologo marinho, produtor, compositor e músico) tendo resultado dessa união suas filhas, gêmeas, Natanna e Tuanny, que fizeram parte durante oito anos da última formação do Balão Mágico.

Adriana começou sua carreira com apenas 11 anos e aos 12 já era sucesso em todos os programas em que se apresentava. Manteve-se afastada das atividades artísticas e retornou em 2008 com o lançamento do CD "Alô meu bem! Eu voltei".

Corrigir Biografia

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.