restaurar

Trem Bão

Ferro na Boneca

Numa tarde tão linda de sol Ela me apareceu Com um sorriso tão triste Um olhar tão profundo Já sofreu Suas mãos tão pequenas e frias Sua voz tropeçava também Me falava da infância de lágrimas Nunca teve ninguém Nunca teve amor Não sentiu o calor de alguém Nem sequer ouviu a palavra carinho, seu ninho Não resistiu Sinceramente eu chorei de tristeza Ao ouvir Tanta coisa que a vida oferece E a gente padece Sem querer Depois de tudo o que eu vi Não consigo esquecer Ela me disse adeus e se foi Nem seu nome eu sei dizer De onde ela veio, pra onde ela vai, oh! oh! De onde ela veio, pra onde ela vai Não sei dizer

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.