Acesso

 

E-mail

esqueciSenha

Entrar

Login com o Facebook

Login com o Google

não tem uma conta?
cadastre-se

página iniciala

Mais Uma Chance

Apocalipse 16

logo cifrasCifras de Mais Uma Chance
Criança, todo mundo foi um dia.
Infelizmente minha infância não dói do jeito que eu
queria,
Mas não adianta desejar que o tempo volte atrás
Eu to ligado que nem tudo foi culpa dos meus pais
Mas as vezes, na lembrança, como se os dias voltassem
atrás
Me vejo jogando bola com meu pai em algum parque,
Ou fazendo um role com ele pra qualquer outra cidade
Gostaria que tivesse tido um carango e me ensinasse a
dirigir
No pôr-do-sol a tarde. Só que o anuncio que passa na
TV essa noite
Me trás de volta a realidade.
E ai tudo fica vazio, chato. Eu aqui no meu quarto.
Com lagrima no olho e a cabeça sobre o travesseiro
Por que será que meu pai trocou tudo por um litro de
velho barreiro?

Um dia tudo, se desfez. Nunca mais, outra vez.
Sem afeto, sem atenção.
Se foi o calor, cresceu o rancor e afogou a paixão.

Meus motivos, só eu sei.
Das vezes que sorri e das vezes que chorei, eu sei.
Quantos coisas planejei que nunca alcancei
Quando a família não tem estrutura, a vida vira um
sufoco.
Foi embaçado ver um tio dar um tiro no outro
Quase perdi o juízo foi por pouco.
Vive na fronteira entre o lúcido e o louco
Meus impulsos trouxeram me cinco pontos no pulso
Considerado dentro do meu próprio lar um intruso
Só por Deus não fui recluso. Me arrependo de ter feito
uso do que não devia
Vivíamos como escravos, sedentos por alforria,
Só que ela nunca vinha. Discussões invejas,
separações.
Foram duras lições que chegaram a desiludir, ficamos
todos impotentes
Vendo a família se diluir e sumir rapidamente,
quebrou-se a corrente.
De lá pra cá, ficou tudo diferente

Um dia tudo, se desfez. Nunca mais, outra vez.
Sem afeto, sem atenção.
Se foi o calor, cresceu o rancor e afogou a paixão.

Mas a vida é assim mesmo, vamos levando
No mundo tereis aflições, mas tende bom animo
Jesus venceu o mundo, lembrem-se disso meus manos
Gostaria que meus pais, ao menos, percebessem que eu
os amo
Que vivêssemos sem magoas e com sinceridade,
Afinal para um recomeço nunca é tarde
Apesar dos contra-tempos foram bons exemplos, vou
sentir saudades
Obrigado por me ajudar a me transformar num homem de
verdade
Fiquem tranqüilos, o Lipe vai estar sempre ao meu
lado
Deus sabe bem que lhes quero
Luciano, continua sendo o nome que vocês me deram

O amanhã se erguera (se erguera)
Algo bom nos trará (nos trará mamãe)
Não é assim que tudo tem que terminar (não é assim
papai)
Só precisamos nos dar, mais uma chance (mais uma
chance, mais uma, chance)

Nossa distancia diminuirá, em breve lembrança,
alguma.
Restará um futuro bom. Pode ser verdade, pode ser
verdade.

anonimo

Reportar Letra Repetida | Corrigir? Letra enviada por anonimo em 12/15/2008

Envie sua tradução!Traduzida para Inglês por ninguém

Envie sua tradução!Traduzida para o Espanhol por ninguém

 Reportar letra repetida Corrigir letra errada

140 caracteresO que você acha dessa música?

 

 

Músicas de Apocalipse 16

buscarNão achou?

 colabore enviandoA música não está no site?

Quem ouviu este artista

de Quentos Você sabia?

Pregador Luo fez uma homenagem ao famoso comediante Mussum em seu CD "unico-incomparavel"

ver outras curiosidadesenvie uma

Enquete

Ganhe pontos!

outras enquetes

©2016 Petaxxon Comunicação Online