restaurar

Chegou a Minha Vez

Flordelis

Chegou a minha vez, Me ergo em meio às cinzas Nem tudo está perdido, Vou dar a volta por cima Hoje eu acordei decidido a lutar, Dizer que a minha vida vai ter que mudar Cansei de tanto ouvir, Viver medíocre assim. Eu hoje me levanto vou dar nisso um fim Eu não agüento mais viver, sendo massacrado assim, Esse desastre não me mata, vou viver, vou resistir Pode essa dor ser tão profunda, E a minha alma machucar, ser um soldado tão ferido, Mas vou continuar. Chegou a minha vez, Me ergo em meio às cinzas Nem tudo está perdido, Vou dar a volta por cima.