Rima

Jorge Vercilo

Filha da poesia Mãe da minha emoção Sombra dessa magia Luz da minha razão Jóia rara em Sevilha Obra-prima em Milão Isca pra essa armadilha Alvo do meu tesão Pouso de um delírio Pena da inspiração Fruto ímpar do idílio Asa, imaginação Viga da amizade Elo do meu viver Doce de uma saudade Chama do meu querer Casa da harmonia Rua que eu vou passar Causa dessa alegria Cama do meu sonhar Tombo que se levanta e suplanta a dor H2O na planta Pilha do meu robô Monalisa sem tela Novela sem tevê Tudo que rima com ela eu falo com mais prazer Filha da poesia porta-voz do esplendor que eu descobri um dia dona do meu amor Yaô... Yaô, Yaô... Yaô... Dona do meu amor Yaô... Yaô Yaô... Yaô... Dona do meu amor Pouso de um delírio Pena da inspiração Fruto ímpar do idílio Asa, imaginação Viga da amizade Elo do meu viver Doce de uma saudade Chama do meu querer Casa da harmonia Rua que eu vou passar Causa dessa alegria Cama do meu sonhar Tombo que se levanta e suplanta a dor H2O na planta Pilha do meu robô Monalisa sem tela Novela sem tevê Tudo que rima com ela eu falo com mais prazer Filha da poesia porta-voz do esplendor que eu descobri um dia dona do meu amor Yaô... Yaô, Yaô... Yaô... Dona do meu amor Yaô... Yaô Yaô... Yaô... Dona do meu amor

* A letra está errada? Por favor, envie a correção

* Essa letra é repetida ou pertence a outro artista? nos informe