Derrama Tua Glória

Léa Mendonça

“a glória do senhor pousou sobre o sinai e a nuvem o cobriu por seis dias. ao sétimo, o senhor o chamou do meio da nuvem e ele entrou, permanecendo lá por quarenta dias.” sabe aqueles dias em que a gente não está bem e só quer ficar no colo de deus? eu estava me sentindo assim, quando ouvi o meu irmão cantar esta música. eu estava precisando de fôlego novo! estava precisando entrar na nuvem de deus para não ouvir mais as palavras que ferem, não confrontar mais com os inimigos, não sentir mais a dor de suas pedradas, nem a frieza cortante da ingratidão dos amigos. Eu precisava entrar na nuvem para ficar a sós com deus! (ex 24:16-18) Em tua presença, em tua presença Em tua presença, ó deus, Quero sempre estar Sem a tua presença não sei viver Sem a tua palavra eu não Consigo me orientar Assopra o teu fôlego, senhor Como nuvem que se espalha no céu Como chuva que não pede Permissão para cair Espalha tua nuvem, transborda Tua chuva Derrama tua glória sobre mim, senhor E restaura o meu ser Coro Derrama tua glória e me restaura Derrama tua glória e me domina Derrama tua glória e me renova Derrama tua glória E assopra teu fôlego de vida em mim Assopra tua vida em mim Teu fôlego de vida, e eu sararei Assopra tua vida em mim Teu fôlego de vida, e novo serei Porque me gastando por ti estarei, meu senhor

* A letra está errada? Por favor, envie a correção

* Essa letra é repetida ou pertence a outro artista? nos informe

comentário Deixe seu comentário

Máximo de 140 caracteres