restaurar

Minha Fulô

Luiz Gonzaga

Minha fulô Ai que saudade Ai, ai que dor Ai, ai, ai, minha fulô As fulô do meu sertão São bonita e são cheirosa O pau d’ arco e o pau perêro Faz inveja a qualquer rosa Canafista e muçambê Eu nem sei qual mais formosa É por isso Que as abeia Mandaçáia e jandaíra Sanharó e uruçú Faz um mel que admira Vendo as abêia Bebê mel beijando as frô Só rescordo o favo doce Dos beijos do meu amor

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.