Cabocla Janaína

Umbanda

Eu fui à beira da praia Pra ver balanço do mar Eu fui à beira da praia Pra ver balanço do mar Eu vi um retrato n'areia Uma linda Sereia Comecei a chamar: Ô Janaína, vem ver! Ô Janaína, vem cá! Ô Janaína, vem ver! Ô Janaína, vem cá! Receber tuas flores Que eu vim te ofertar Receber tuas flores Que eu vim te ofertar Eu pisei na pedra fina Ela fez "chuá, chuá" Eu pisei na pedra fina Ela fez "chuá, chuá" Sou eu, Mãe D'água Que balança o mar Sou eu, Mãe D'água Que balança o mar Eu vi uma moça Na beira d'água Solte os cabelos, Janaína E caia n'água Eu vi uma moça Na beira d'água Solte os cabelos, Janaína E caia n'água Janaína, menina! Quem te ensinou a nadar? Janaína, menina! Quem te ensinou a nadar? Foi o tombo do navio, Janaína Ou foi o balanço do mar Foi o tombo do navio, Janaína Ou foi o balanço do mar Ô Janaína, vem ver! Ô Janaína, vem cá! Ô Janaína, vem ver! Ô Janaína, vem cá! Receber tuas flores Que eu vim te ofertar Receber tuas flores Que eu vim te ofertar

* A letra está errada? Por favor, envie a correção

* Essa letra é repetida ou pertence a outro artista? nos informe