restaurar

Cabocla Janaína

Umbanda

Eu fui à beira da praia Pra ver balanço do mar Eu fui à beira da praia Pra ver balanço do mar Eu vi um retrato n'areia Uma linda Sereia Comecei a chamar: Ô Janaína, vem ver! Ô Janaína, vem cá! Ô Janaína, vem ver! Ô Janaína, vem cá! Receber tuas flores Que eu vim te ofertar Receber tuas flores Que eu vim te ofertar Eu pisei na pedra fina Ela fez "chuá, chuá" Eu pisei na pedra fina Ela fez "chuá, chuá" Sou eu, Mãe D'água Que balança o mar Sou eu, Mãe D'água Que balança o mar Eu vi uma moça Na beira d'água Solte os cabelos, Janaína E caia n'água Eu vi uma moça Na beira d'água Solte os cabelos, Janaína E caia n'água Janaína, menina! Quem te ensinou a nadar? Janaína, menina! Quem te ensinou a nadar? Foi o tombo do navio, Janaína Ou foi o balanço do mar Foi o tombo do navio, Janaína Ou foi o balanço do mar Ô Janaína, vem ver! Ô Janaína, vem cá! Ô Janaína, vem ver! Ô Janaína, vem cá! Receber tuas flores Que eu vim te ofertar Receber tuas flores Que eu vim te ofertar

comentário Deixe seu comentário

Máximo de 140 caracteres

 

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.