×
Corrigir

Assinatura de Sal

Aline Frazão

Soa no ar uma melodia
E já posso sentir na pele a maresia
Deixar sua assinatura
De sal
Na cara como uma pintura
De cal
Abrindo a janela o frio a memória
Esqueceu
Num momento em que o peito apertado escreveu
No vidro gelado a vapor
Uma frase perdida de amor
Eu juro
Que posso ouvir daqui
A espuma da onda dengosa que enrola na areia
Antes de adormecer
Juro que posso ouvir daqui
O som do gingado que faz a kianda sereia
No mar até ao amanhecer
Mesmo aqui estando o mar tão longe de mim
Eu escrevo o meu nome assim
Aqui conchas, búzios, gaivotas não tem
Barco atracado na areia não tem
Camarão dormindo na onda não tem
Ritual sagrado pros deuses não tem
Cruzeiro do sul
6 da tarde do sol no azul
Só sei que no chão ficou escrito como um sinal
Na mão bastou um punhado de sal
No chão ficou escrito como um sinal
Na mão bastou um punhado de sal
Mas eu juro…






Mais tocadas

Ouvir Aline Frazão Ouvir