restaurar

Letra - Lamento De Raça

Boi Garantido

Compositor:Emerson Maia

O índio chorou, o branco chorou Todo mundo está chorando A Amazônia está queimando Ai, ai, que dor Ai, ai, que horror O meu pé de sapopema Minha infância virou lenha Ai, ai, que dor Ai, ai, que horror Lá se vai a saracura correndo dessa quentura E não vai mais voltar Lá se vai onça pintada fugindo dessa queimada E não vai mais voltar Lá se vai a macacada junto com a passarada Para nunca mais, voltar Para nunca mais, nunca mais voltar Virou deserto o meu torrão Meu rio secou, pra onde vou? Eu vou convidar a minha tribo Pra brincar no Garantido Para o mundo declarar Nada de queimada ou derrubada A vida agora é respeitada todo mundo vai cantar Vamos brincar de boi, tá Garantido Matar a mata, não é permitido

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.