×

Biografia de Buchecha

Claucirlei Jovêncio de Souza ,mais conhecido como Buchecha, é hoje umas das referências em termos de funk melody. O artista , que juntamente com seu inesquecivel parceiro Claudinho, foi um dos representantes mais bem-sucedidos de um movimento social que mobilizou diversos subúrbios cariocas nos finais de semana. Lamentavelmente a dupla não conseguiu seguir juntos o estrelato, já que em 2002 Claudinho foi vítima de um acidente de carro, deixando toda a massa funkeira orfã. Mesmo abalado e com apoio de amigos , de seus milhares e de fãs espalhados pelo país a fora, Buchecha teve forças suficiente para superar essa perda e seguir em frente a fim de levantar a bandeira de sua música, que continua marcando gerações. Antes de despontarem para a fama, Claudinho e Buchecha trabalharam como ajudantes de obra e office – boys. Mas a música sempre foi o sonho desses dois jovens. Foi assim desde que os dois ganharam um festival de música, em 1993, com o rap “Bandeira Branca”. Dois anos depois, Rap do Salgueiro deu mais um prêmio a dupla e, com a execução maçiça nas rádios, um público maior começou a se interessar pelo trabalho dos dois. Outros hits vieram (Carrossel de Emoções, Barco da Paz, Nosso Sonho) até a estréia em disco, que, produzido pelo “midas” Memê Mansur, trazia uma versão de Tempos Modernos, de Lulu Santos, e Conquista, que projetou a dupla nacionalmente. Criada no funk e no rap, a dupla optou por sua vertente mais romântica e comercial, o funk melody, em que refrões assobiáveis, batidas malemolentes e versos repletos de juras de amor inspiram jovens a entoar as músicas enquanto ensaiam passinhos sincronizados. O sucesso aumentou consideravelmente quando A Forma foi lançado em 1997. Com uma produção mais bem cuidada, videoclipes sofisticados e aparições em todas as emissoras de TV, os cariocas emplacaram sem problemas a faixa-título, Quero Te Encontrar e a versão de Uma Noite e Meia, de Marina. Só Love (também nome do terceiro CD), Xereta e Beijo na Boca mantiveram a dupla no topo das paradas nos anos seguintes. Mas o destino quis assim e Buchecha continua com sua estrela brilhando. Atualmente ele está em franca divulgação de seu segundo CD solo e seu primeiro acústico. Uma mistura da batida funkeira com acordes de violão faz parte desse maravilhoso trabalho. O novo álbum do cantor é baseado em antigos sucessos cantados com seu ex-parceiro Claudinho como Só Love, Nosso Sonho e Fico Assim sem você. O Cd conta também com as participações de MC Sabrina, em Implacável, com Lulu Santos, a antológica Quero Te Encontrar & MC Marcinho Luminosa.