restaurar

Letra - É Disso Que O Velho Gosta

Gaucho da Fronteira

Compositor:Gildo Campos E Berenice Azambuja

Eu sou um peão de estância Nascido lá no galpão E aprendi desde criança A honrar a tradição Meu pai era um gaúcho Que nunca conheceu luxo Mas viveu folgado enfim E quando alguém perguntava O que ele mais gostava O velho dizia assim Churrasco e bom chimarrão Fandango, trago e mulher É disso que o velho gosta É isso que o velho quer E foi assim que aprendi A gostar do que é bom A tocar minha cordeona Cantar sem sair do tom Ser amigo dos amigos Nunca fugir do perigo Meu velho pai me ensinou Eu que vivo a cantar Sempre aprendi a gostar Do que meu velho gostou Churrasco e bom chimarrão Fandango, trago e mulher É disso que o velho gosta É isso que o velho quer

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.