×
Corrigir

Perguntar Não Ofende

Indayana

Cada um tem sua dor, parece que você não tem
Pensa que não aparece bem na sua cara
Pensa que eu não sei
Parece que padece de uma doença rara
E o teu remédio, ninguém conhece tão bem

Cada um tem sua culpa
Parece que você esqueceu de aparecer na hora de explicar a sua
Pensa que eu não sei
Parece que padece de um mal que não tem cura
E o teu remédio, ninguém fornece também

Eu quase morro de rir, vendo você se explicar
Sempre de um jeito que ninguém compreende
Vovó dizia também, mamãe cansou de ensinar
E eu pergunto se você se entende
Peço desculpas meu bem
Mas é que perguntar não ofende

Eu digo, eu falo
Perguntar não ofende
Pergunto, indago
Perguntar não ofende
Responde pra gente
Perguntar não ofende
Se você se entende
Perguntar não ofende

Composição: Oswaldo Gayon






Mais tocadas

Ouvir Indayana Ouvir