restaurar

Letra - Diamante Verdadeiro

Maria Bethania

Álbum: Diamante Verdadeiro

Compositor:Caetano Veloso

Nesse universo todo de brilhos e bolhas Muitos beijinhos, muitas rolhas Disparadas nos pescoços das Chandon Não cabe um terço de meu berço de menino Você se chama grã-fino e eu afino Tanto quanto desafino do seu tom Pois francamente meu amor Meu ambiente é o que se instaura de repente Onde quer que chegue, só por eu chegar Como pessoa soberana nesse mundo Eu vou fundo na existência E para nossa convivência Você também tem que saber se inventar Pois todo toque do que você faz e diz Só faz fazer de Nova Iorque algo assim como Paris Enquanto eu invento e desinvento moda Minha roupa, minha roda Brinco entre o que deve e o que não deve ser E pulo sobre as bolhas da champanhe que você bebe E bailo pelo alto de sua montanha de neve Eu sou primeiro, eu sou mais leve, eu sou mais eu Do mesmo modo como é verdadeiro O diamante que você me deu. ---------------------------

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.