restaurar

Letra - Dois

Paulo Ricardo

Álbum: Dois

Compositor:Paulo Ricardo

Quando você disse: "Nunca mais, Não ligue mais, Melhor assim" Não era bem o que eu queria ouvir E me disse decidida "Saia da minha vida" Que aquilo era loucura, era absurdo E mais uma vez você ligou, Dias depois me procurou Com uma voz suave, quase que formal E disse que não era bem assim, Não necessariamente o fim de uma coisa tão bonita e casual De repente as coisas mudam de lugar E quem perdeu pode ganhar Teu silêncio preso na minha garganta e o medo da verdade Eu sei que eu, eu queria estar contigo Mas sei que não, sei que não é permitido Talvez se nós, se nós tivessemos fugido e ouvido a voz desse desconhecido O amor, o amor, o amor, o amor Essa voz que chega devagar Para perturbar, para enlouquecer Dizendo para eu pular de olhos fechados Essa voz que chega a debochar do meu pavor Mas ao pular eu me vejo ganhar asas e voar De repente as coisas mudam de lugar E quem perdeu pode ganhar Minha amiga, minha namorada Quando é que eu posso te encontrar? Eu sei que eu Ah, eu queria estar contigo Mas sei que não, sei que não é permitido Talvez se nós, se nós tivessemos fugido E ouvido a voz desse desconhecido Eu sei que eu Ah, eu queria estar contigo Mas sei que não, não, não não é permitido Talvez se nós tivessemos fugido E ouvido a voz desse desconhecido O amor, o amor, o amor...

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.