restaurar

Aguaceiro

Sertanília

Choveu, xuá, xuá
Derrama, amor, derrama
Eta, aguaceiro, vem molhar o meu penar
Água no céu: Desejo
Água na terra é lama

Tempo, pai dos começos
Cicatriza a indignação
Dai-nos o ouvido dos cegos
Afasta de nós a ração
O caule que sangra e não seca
Lava de sangue pisado
A nossa boa aberta
E os nossos livros fechados

Composição: Anderson Cunha

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.