×
Corrigir

Nosso Consolo

Us Fiera

De um povo que é só teu receba em mãos estes instantes trabalhados com atenção,
Guarde com carinho finja valor é nosso consolo mentiroso de um mundo cão.
De um povo que é só teu receba em mãos estes instantes trabalhados com atenção
Guarde com carinho finja valor é nosso consolo mentiroso de um mundo cão.
Eu fiz de tudo, só não fiz o que devia fazer.
Me fiz de nada, só me toquei quando o vago me impediu de crescer.
Acordo insone e na cor da fome que o jardim vai florescer.
Pois sei sabe que existe alguém muito importante pra você.
De um povo que é só teu receba em mãos estes instantes trabalhados com atenção,
Guarde com carinho e finja valor é nosso consolo mentiroso de um mundo cão.
De um povo que é só teu receba em mãos estes instantes trabalhados com atenção
Guarde com carinho e finja valor é nosso consolo mentiroso de um mundo cão.
Descansa o casco, estende os braços e vem me receber.
Pois já é tempo do agrado isento enfim se revelar.
Depois de um dia, vem a noite fria sugerindo nos aquecermos.
Para que os traços dos nossos laços, num nó façam o luar a contemplar.
De um povo que é só teu receba em mãos estes instantes trabalhados com atenção,
Guarde com carinho e finja valor é nosso consolo mentiroso de um mundo cão.
De um povo que é só teu receba em mãos estes instantes trabalhados com atenção
Guarde com carinho e finja valor é nosso consolo mentiroso de um mundo cão






Mais tocadas

Ouvir Us Fiera Ouvir