restaurar

Cão De Boiadeiro

Tonico e Tinoco

Todo cão de boiadeiro não dá trela ao cão vadio, Quando está no seu trabaio não aceita desafio. Amigo do seu patrão, é valente e tem brio, Fazendo berrá nos dente um pantaneiro bravio. Todo cão de boiadeiro tem sua vida arriscada, Ajudando os peão pegando boi de arribada. Quando vai chegando a noite, boiadeiro fais posada, Cachorro fica de guarda, toma conta da boiada. Aprendi com o meu cão ser humirde e obediente, Dar valor na profissão, levando a vida pra frente. E cumprindo a obrigação, respeitando a toda gente, Na hora de precisão, ser corajoso e valente. O meu fier cumpanheiro, eu nunca posso esquecê, Finquei uma cruz na estrada com esse triste dizê: Morreu tocando boiada e cumprindo seu devê No chifre dos pantaneiro vi meu cachorro morrê.

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.