restaurar

Letra - Funeral De Um Lavrador

Chico Buarque

Álbum: Funeral de Um Lavrador

Compositor:João Cabral de Melo Neto

Esta cova em que estás Com palmos medida É a conta menor que tiraste em vida É de bom tamanho Nem largo nem fundo É a parte que te cabe Deste latifúndio Não é cova grande É cova medida É a terra que querias Ver dividida É uma cova grande Para teu pouco defunto Mas estarás mais ancho Que estava no mundo É a conta menor que tiraste em vida É a parte que te cabe Deste latifúndio É a terra que querias ver dividida Estarás mais ancho que estava no mundo Mas a terra dada Não se abre a boca É uma cova grande Pra teu defunto parco Porém mais que no mundo Te sentirás largo É uma cova grande pra tua carne pouca Mas terra dada não se abre a boca.

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.