restaurar

Mineirinha

Ferro na Boneca

Mineirinha me pediu
Dois vestidos delicados
Eu olhei pra ela e disse
Deixe eu vender meu gado
Que o vestido eu já comprei
Mas o boiadeiro está quebrado

O meu burro está selado
Foi o Branco quem selou
Atravesso o rio a nado
Só nao deixo o meu amor
Mineirinha eu vou embora
Eu vou falar com meu amor

Se de um lado tem batuque
Do outro lado também tem
Atravesso o rio a nado
Só a fim de ver meu bem
Mineirinha eu vou embora
Na outra semana que vem

Tire as pedras do caminho
Mande varrer a estrada
E deixe tudo limpinho
Sereno da madrugada
Mineirinha eu vou embora
Eu vou vender minha boiada

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.