restaurar

Café com Leite

Luan Santana

Tem pele que cola na nossa E não desgruda mais, perfume que não passa Tem musica boa que só é boa em Uma voz nas outras não tem graça É nessa hora que a falta bate E a gente senta e chora Um choro que a gente guarda na memória É que ninguém nunca morreu de amor E o primeiro eu sei que não vou ser Admite que ainda lembra Das noites frias, café com leite Um beijo quente, ao som de Djavan Tem pele que cola na nossa E não desgruda mais, perfume que não passa Tem musica boa que só é boa em Uma voz nas outras não tem graça É nessa hora que a falta bate E a gente senta e chora Um choro que a gente guarda na memória É que ninguém nunca morreu de amor E o primeiro eu sei que não vou ser Admite que ainda lembra Das noites frias, café com leite Um beijo quente, ao som de Djavan Das noites frias, café com leite Um beijo quente, ao som de Djavan

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.