restaurar

Letra - O Resto a Gente Ajeita

Luiz Gonzaga

Eu agora tou viúva Tou querendo me casar Com um cabra tutanhudo Bom pra trabalhar Que seja carinhoso E não me chame de sujeita O resto a gente ajeita} bis Ai, ai, me arrasta caboclinho Depois do arrasta-pé Nós queima o pé no caminho } bis Quem pediu a minha mão Foi o Zé, disse a Raque Eu botei umas condição Que eu nem sei se o Zeca quer A gente mora longe Pois sua mãe não é direita O resto a gente ajeita } bis Convidei o pistoleiro Da Serra do Kim com K O cabra era zanôio Ignorante e sarará Falou: quero a metade Pra dizer essa impelêita O resto a gente ajeita} bis

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.