restaurar

Letra - Ternura

Roberto Carlos

Álbum: Ternura

Me dijiste una vez Que era mío tu amor Que nadie iba a separarte A ti de mí. Ahora vienes tú diciendo adiós Qué hice yo Para que tú me trates así? Ese amor que yo guardé Sólo a ti te lo entregué Y no merezco yo sufrir tanto dolor. Ahora vienes tú diciendo adiós Qué hice yo Para que tú me trates así? Y la ternura que yo guardé Nadie en el mundo te va a ofrecer Y acariciarte sólo yo lo sé hacer. Y mi pobre corazón Ya no quiere de sazón Ya no soporta más sufrir ingratitud. Ahora vienes tú...

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.